domingo, 17 de agosto de 2008

Campo Maior: Matou ex-GNR a soco e a pontapé

Um GNR reformado terá sido espancado violentamente, a murro e a pontapé, na feira de Santa maria de Agosto, em Campo Maior, acabando por falecer.

O alegado homicídio terá ocorrido, na noite da passada quinta-feira, quando o antigo militar, de 64 anos, que já estaria supostamente embriagado, terá tido um encontro com um indivíduo que manteria algum relacionamento com a sua ex-mulher.

Ontem de manhã, o alegado agressor, de 29 anos, foi detido por elementos da secção de homicídios da Polícia Judiciária, em colaboração com a GNR de Campo Maior.

Os dois indivíduos ter-se-ão encontrado naquela feira alentejana e trocado palavras que não terão sido bem aceites pelo alegado agressor, que, segundo fontes policiais, é acusado de ter agredido brutalmente o ex-GNR, já de madrugada, quando ele regressava a sua casa.

Ontem, ao início da tarde, o Tribunal de Elvas decidiu manter em prisão preventiva o presumível homicida do ex-GNR, cuja morte alguns populares chegaram a admitir ter sido provocada por alguma queda do indivíduo que, por estar alegadamente alcoolizado, poderia ter batido com a cabeça no chão.

Porém, de acordo com a GNR, o cadáver apresentava várias lesões, provocadas por "agressões físicas", do alegado indivíduo de 29 anos, após discussão com o sexagenário.

A companheira do suspeito também foi constituída arguida por cumplicidade, tendo sido posteriormente libertada.

Razões do foro passional estarão na base das agressões.
_______//_______
No Jornal de Noticias

Etiquetas: ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

banner for http://www.eurobilltracker.com